Extincêndio

Entincêndio Extintores é uma empresa credenciada junto
ao inmetro e corpo de bombeiros, conforme normas
técnicas da ABNT, e tem um perfil
totalmente profissional. Voltada para atender o cliente
com respeito e seriedade.
Extincêndio tem como missão prover segurança,
excelência no atendimento e qualidade nos serviços,
utilizando tecnologia e conhecimento aplicados à
segurança de cada cliente.

quarta-feira, 10 de março de 2010

Extintores de incêndios: Noções básicas




O extintor de incêndio é uma necessidade em qualquer casa ou escritório. Embora exista uma grande possibilidade dele ficar na parede durante anos acumulando poeira, também pode acabar salvando a vida de alguém. Neste artigo, veremos exatamente o que fazem e como funcionam os extintores de incêndio. Também iremos aprender o que pode causar um o incêndio, o jeito certo de usar um extintor e que tipo funciona melhor em cada caso. O que é um incêndio? O fogo é o resultado de uma reação química de combustão, normalmente uma reação entre o oxigênio presente na atmosfera e algum tipo de combustível, madeira ou gasolina, por exemplo. É claro que a madeira e a gasolina não pegam fogo espontaneamente só por estarem cercadas por oxigênio. Para que haja a reação de combustão, o combustível precisa ser aquecido até sua temperatura de ignição. Segue, como exemplo, a seqüência de acontecimentos em um incêndio de madeiras: • algo esquenta muito a madeira, podendo ser: luz focada, fricção, outro ...

objeto que já esteja pegando fogo etc;• quando a madeira atinge, aproximadamente, 260°C, o calor decompõe parte da celulose que forma a madeira;

• o material decomposto é liberado na forma de gases voláteis, normalmente um composto de hidrogênio, carbono e oxigênio;

• quando o gás está quente o suficiente, as moléculas compostas se quebram e os átomos se unem novamente com o oxigênio para formar água, dióxido de carbono e outros produtos;

• os gases, que se propagam pelo ar, formam a chama. Os átomos de carbono que estão na chama emitem luz quando ficam quentes. Veja Como funcionam as lâmpadas para saber por que os objetos emitem luz quando são aquecidos;

• o calor da chama mantém o combustível em sua temperatura de ignição, então continua a pegar fogo enquanto houver combustível e oxigênio.

Como você pode ver, existem três elementos essenciais envolvidos neste processo:

• calor excessivo

• oxigênio

• combustível

Os extintores de incêndio são desenvolvidos para retirar ao menos um destes elementos, para que o fogo seja apagado.

Dentro de um extintor de incêndio

Vimos que existem três elementos essenciais envolvidos no processo de produção do fogo: calor, oxigênio e combustível. Para acabar com um incêndio, é preciso retirar completamente um destes três elementos.

• O melhor jeito para acabar com o calor é jogando água no fogo, pois isto resfria o combustível a uma temperatura abaixo do seu ponto de ignição, interrompendo o ciclo de combustão.

• Para retirar o oxigênio, pode-se abafar o fogo, para que ele não fique exposto ao ar. Um jeito de abafar um pequeno incêndio é cobrindo-o com um cobertor pesado. Outro jeito é jogar material não inflamável no fogo, como areia ou bicarbonato de sódio.

• Retirar o combustível é o jeito mais difícil de acabar com a maioria dos incêndios. Em alguns casos ( madeira de uma casa, por exemplo) o combustível só será retirado quando o fogo o tiver queimado por inteiro.
Os extintores de incêndio são cilindros de metal que contém um agente extintor (água, espuma, pó químico ou dióxido de carbono - CO2. Quando você pressiona a alavanca da parte superior do cilindro, o material é expelido com grande pressão, parecida com a pressão utilizada em uma lata de aerosol. O diagrama abaixo mostra um projeto simples.


Neste extintor, o sifão de tubo plástico vai da parte superior do reservatório do eliminador de fogo para a parte superior do extintor. Uma válvula com molas bloqueia a passagem do sifão para o bocal. Na parte superior do cilindro tem um cilindro menor, cheio de um gás comprimido: dióxido de carbono líquido, por exemplo. Uma válvula impede que o gás comprimido escape


A National Fire Protection Association (Associação Nacional de Proteção contra Incêndios) recomenda que os extintores de pó químico sejam inspecionados a cada seis anos, mesmo se o manômetro estiver indicando que a pressão está correta

Para usar o extintor, você retira o pino de segurança e pressiona a alavanca de operação. A alavanca empurra a haste de ativação, que pressiona a válvula de molas para baixo, para abrir a passagem até o bocal. A parte inferior da haste de ativação tem um ponto afiado, que fura a válvula de liberação do cilindro.





O pino de segurança de metal evita que a alavanca de operação
se feche acidentalmente.


A alavanca de operação pressiona a haste de ativação
(peça azul)

O gás comprimido sai, fazendo pressão para baixo no material eliminador de incêndios, o que conduz o material para o sifão e para fora do bocal com uma força considerável. O jeito adequado de se usar o extintor é mirá-lo diretamente no combustível, em vez de mirar nas chamas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário